©2018 by TECHNITE CONSULTORIA EM SOLUCOES DIGITAIS LTDA

Superando a (in)segurança da Nuvem

Tenho certeza que muita gente que está lendo esse artigo já passou por essa discussão antes. Seja você como um profissional de TI, dono de sua empresa e até mesmo demais áreas usuárias ou financeiras.


Mesmo esse assunto não sendo mais novidade, durante minha experiência como analista de risco de SI e TI presenciei essas discussões diversas vezes. Os principais motivos são a segurança e disponibilidade de sua estrutura e custos (claro).

Muitos se perguntam: 

  • Mas como posso acessar minha máquina caso tenha problemas?

  • Em caso de queda do servidor, qual o SLA para recuperação?

  • Que certeza eu tenho de que não há ninguém malicioso acessando meus servidores?

Além dessas perguntas, muitos ainda tem “amor” pelos seus servidores. Gostam daquela máquina rodando em seu CPD e de fazer a manutenção das mesmas. 

Essas discussões, receios e insegurança blindam esses profissionais de visualizarem as vantagens de migrar seu ambiente para a nuvem.


Para você que está nessa dúvida, eu te lanço um desafio. Se questione de como está a disponibilidade da sua infraestrutura. Quais os ricos que você possui de queda dessa infra? Como você protege esses servidores fisica e logicamente? Quantos incidentes você teve no período de um ano?


Datacenter após um incêndio

Quando você analisar, pode ser que tenha uma surpresa. Sim, seu ambiente é menos seguro e está mais exposto a riscos.


Infraestruturas em nuvem como Telefônica ou Azure, por exemplo, possuem as mais reconhecidas certificações de segurança e disponibilidade. Replicações em 2 ou mais Datacenters localizados dentro e fora do Brasil. Controles robustos de temperatura, umidade, prevenção a incêndios e energia. 


Datacenter Telefônica México

Equipes de monitoramento estão 24 horas por dia e 7 dias por semana preparados para atuar a qualquer momento. Manutenções preventivas e testes de contingência são executados periodicamente para garantir que estão preparados a minimizar qualquer tipo de incidente.


Concluindo: mesmo que você invista um altíssimo valor para preparar sua TI para se equiparar aos serviços prestados em uma Nuvem, dificilmente chegará ao mesmo nível de excelência. Reduza os riscos de sua empresa agora mesmo e migre para a nuvem.


Obs.: Evitei entrar no assunto de custos nessa postagem pois as variáveis são diversas. Posteriormente farei um post específico sobre esse assunto.

0 visualização